Fadiga

A fadiga na EM  é melhor definida como: uma sensação de perda de energia física ou mental que pode afetar as atividades de rotina. Os altos níveis de fadiga estão entre as reclamações mais comuns das pessoas com EM é um dos poucos sintomas clínicos que podem predizê-la.

 

Normalmente, muitas pessoas com EM acordam sentindo-se revigoradas porém, à noite, sentem-se cada vez mais exaustas. A fadiga afeta a maioria das pessoas com Esclerose Múltipla em algum momento. Este cansaço excessivo pode limitar as atividades físicas e mais freqüentemente afeta as pernas, embora os braços e as mãos também podem ser afetados, sejam juntos ou não, aos membros inferiores.


O grau de fadiga experimentado difere de pessoa à pessoa e normalmente depende do grau de progressão da doença e das condições físicas gerais da pessoa.